Hostinger Tutoriais

Configurar um ambiente hospedado localmente é uma etapa crítica em qualquer projeto de desenvolvimento do WordPress. Dessa forma, você pode testar com segurança os recursos e a funcionalidade do seu site em um ambiente completamente privado. Neste artigo, você aprenderá como usar o XAMPP para criar um servidor web local.

Isso pode ser feito para desenvolver e testar seu site WordPress e envolve três etapas:

  1. Instale o XAMPP.
  2. Execute o XAMPP e configure seu ambiente.
  3. Baixe e execute o WordPress.

Também discutiremos algumas práticas recomendadas para experimentar código e testar o WordPress com XAMPP. Finalmente, vamos explicar como usar o XAMPP em um WordPress com instalação multisite. Nós estamos indo para lá?

Por que você possivelmente precisa de um site WordPress local?

Um site WordPress hospedado localmente só pode ser acessado por pessoas na sua rede, portanto, não há componentes online. Portanto, esse tipo de site pode servir como um ambiente seguro para testar novos recursos e técnicas de solução de problemas.

Os sites locais são perfeitos para executar os seguintes tipos de tarefas:

  • Crie novos temas e plugins: Se você estiver usando um site local, não precisará se preocupar com problemas que possam surgir durante o desenvolvimento de um site online do WordPress.
  • ambiente de teste: Você pode fazer uma cópia do seu site online e usá-lo para fins de teste.
  • Depuração e solução de problemas do site: Trabalhe na base de código do seu site para corrigir erros ou outros problemas que podem levar a problemas ainda maiores – e possivelmente uma página dispendiosa. Ao criar um site local do WordPress, você pode tentar soluções diferentes e restaurar facilmente as versões anteriores do seu site, se cometer um erro.

Por esses motivos, é altamente recomendável criar um site WordPress hospedado localmente para praticamente qualquer projeto de desenvolvimento.

Portanto, primeiro você precisa de uma ferramenta que permita configurar rápida e facilmente um site hospedado localmente.

Uma introdução ao XAMPP

Alguns componentes importantes são necessários se você deseja instalar o WordPress localmente. Eles consistem em software de servidor web (como Apache), linguagens de programação como Perl e PHP e software de gerenciamento de banco de dados: MySQL.

No entanto, a instalação de cada um desses elementos leva muito tempo e não é a tarefa mais fácil.

Com o XAMPP (abreviação de plataforma cross (x), Apache, MySQL, PHP e Perl), você pode instalar esses elementos de maneira rápida e fácil. Você pode usar o XAMPP para configurar o ambiente necessário para executar o WordPress em uma máquina local.

Lá você pode testar plugins com segurança, experimentar tópicos e códigos e promover outras atividades de desenvolvimento.

O XAMPP é um software de código aberto gratuito, suportado por uma grande comunidade de suporte. Também é extremamente leve, com todos os elementos necessários para configurar um servidor da web local no mesmo arquivo compactado.

Além disso, aprender a usar o XAMPP é relativamente direto e direto, como explicaremos mais adiante em nosso tutorial.

Como instalar o XAMPP para configurar um site local do WordPress (em 3 etapas)

Nas etapas a seguir, orientaremos você no processo de usar o XAMPP e instalar o WordPress. Este tutorial descreve as etapas para a versão do software Mac.

No entanto, o XAMPP é relativamente fácil de configurar e executar em dispositivos Linux e Windows através de um processo semelhante.

Etapa 1: instalar o XAMPP

Primeiro, acesse o site do Apache Friends e selecione o link de download apropriado na página inicial:

site de download do xampp com link para a versão do os x

Em seguida, arraste o XAMPP para sua pasta. Apps:

O ícone xampp será arrastado para a pasta do aplicativo Mac

Após a conclusão do primeiro carregamento, o XAMPP será instalado no seu sistema. Esta parte do processo de instalação não requer muito do seu lado.

É importante mencionar que se você executar o XAMPP no Windows e outro programa no computador usar as portas 80 ou 443, poderá ocorrer um erro na porta.

Por exemplo, o programa WWW Publishing Service normalmente usa a porta 80 e pode causar conflitos com o XAMPP.

Para resolver isso, você deve parar de executar este serviço seguindo estas etapas:

  1. Navegue até o menu. Iniciare digite services.msc,
  2. Na janela serviços, pesquise o serviço de publicação na World Wide Web.
  3. Clique com o botão direito do mouse e pressione o botão Parar,
  4. Reinicie o XAMPP. O erro de porta é corrigido se o serviço de publicação da WWW era realmente o culpado.

Se isso não for suficiente para resolver o problema, o problema pode ser causado pelo seu firewall. Para forçar o desbloqueio de suas portas, você deve configurar a seguinte regra de firewall:

  1. Abra o firewall Windows e navegue até Configurações avançadas,
  2. Vá para entrada > Nova regra,
  3. Vá para porta > TCP, Você deve entrar 80.443 marcado no campo como Portas específicasClique em OK e, em seguida, clique em OK mais,
  4. selecionar Permitir conexãoClique em OK mais novamente.
  5. Verifique se todas as opções listadas estão ativadas e prossiga para a próxima página.
  6. No campo primeiro nomeDigite um nome memorável (por exemplo, host1) e clique em pronto,
  7. Você deve repetir as etapas de 1 a 6 e alterar o nome novamente (por exemplo, para host2) para limpar a porta.
  8. Reinicie o seu computador. As portas 80 e 443 agora devem ser desbloqueadas e abertas localmente.

Depois que o XAMPP estiver instalado, você poderá executá-lo.

2. Execute o XAMPP e configure seu ambiente

Agora abra o aplicativo XAMPP e clique no botão Iniciar (Iniciar). Você deve ver uma luz verde no canto superior direito da tela:

tela inicial do aplicativo xampp

Em seguida, navegue até a guia serviços (Serviços). Pode ser necessário garantir que o status dos serviços de pilha Apache e MySQL esteja ativo (ou seja, eles têm luz verde).

Isso garantirá que os itens de gerenciamento de banco de dados e software de servidor sejam apropriados para o seu ambiente local. No momento, você pode ignorar o ProFTPD (esta é uma configuração do servidor FTP).

Se o MySQL ou Apache não estiver em execução (indicando uma luz vermelha), basta selecioná-lo e pressionar Iniciar (Start).

Tela de inicialização do Apache e MySQL no xampp

Depois mude para a guia rede (Da rede). Aqui você pode definir as regras para o encaminhamento de porta entre o computador host e a pilha. Selecione a opção localhost na qual deseja trabalhar e clique em ativar (Ativar). Neste exemplo, usamos esse localhost: 8080:

Guia de rede Xampp, onde você pode configurar as regras de roteamento entre o computador host e a pilha

Agora você pode acessar seu host local e usar o XAMPP como seu ambiente de servidor. Para fazer isso, abra o navegador preferido e digite o nome do seu host local (no nosso caso localhost: 8080). Isso abre o painel de controle do XAMPP. Lá clique no botão phpMyAdmin no canto superior direito da página:

Página de acesso do phpmyadmin no xampp

Você precisará criar um banco de dados para sua instalação do WordPress. Selecione a guia banco de dados (Banco de Dados), digite o nome do banco de dados (no nosso caso, basta selecionar WordPress), verifique se o próximo menu suspenso está definido como classificação (Compilação) e clique em preparar (Criar):

Página de banco de dados phpmyadmin

Em seguida, aprenda como instalar o WordPress no XAMPP.

3. Baixe e execute o WordPress

Neste ponto, você precisa acessar o WordPress.org e baixar a versão mais recente do WordPress:

Tela de download da versão mais recente do WordPress

Abra a pasta WordPress no seu computador e localize o arquivo. wp-amostra-config.php:

Pasta WordPress local no Mac OS

Abra este arquivo no seu editor de texto favorito (por exemplo, TextEdit). Você deve encontrar esta linha de texto:

define (# DB_NAME #, # database_name_here #);

substituir Datenbankname_hier Seja qual for o nome que você usou para especificar seu banco de dados na etapa anterior. Em seguida, procure estas duas cadeias:

define ("DB_USER", "nome_do_usuário_aqui");

define ('DB_PASSWORD', 'password_here');

Você tem que substituir Benutzername_hier com raiz e apague tudo Passwort_hier, O texto deve ficar assim:

Texto de configurações do MySQL

Depois de fazer isso, salve o arquivo como wp-config, Você precisa ter certeza de que está na subpasta htdocsna pasta XAMPP. Você também precisa colar sua pasta de instalação do WordPress na mesma subpasta. htdocs,

Por fim, navegue até http: // localhost / wp / no seu navegador. Siga o procedimento padrão para instalar o WordPress. Quando terminar, prepare seu site WordPress hospedado localmente!

Para configurar um multisite WordPress no XAMPP

Agora que você sabe como usar o XAMPP para uma única instalação do WordPress, convém criar uma rede de vários sites. Dessa forma, você pode criar uma rede de sites, todos gerenciados a partir de uma única instalação do WordPress.

Existem vários casos de uso para instalações de vários sites. Por exemplo, isso permitirá que você teste como seus designs e / ou plug-ins desenvolvidos recentemente funcionam em sites diferentes.

Primeiro você tem que abrir seu arquivo. wp-config em um editor de texto novamente. Em seguida, você precisa colar as seguintes linhas de código na parte inferior da tela, logo acima da linha * Isso é tudo, pare de editar! Divirta-se blogando * (* Isso é tudo, pare de editar! Felizes lançamentos. *):

define (& # 39; WP_DEBUG & # 39;, false);

define (& # 39; WP_ALLOW_MULTISITE & # 39;, verdadeiro);

Após verificar se o Apache e o MySQL ainda estão em execução no XAMPP, efetue login no site localhost. Em seguida, navegue até Extras> Configuração de rede (Ferramentas> Configuração de rede):

Botão Configuração de rede no Painel de controle do WordPress

Depois de inserir um nome para a rede, selecione instalar (Instalar). Você será solicitado a editar seus arquivos. wp-config e .zugang,

Abra o arquivo wp-config novamente. Você deve inserir o seguinte código abaixo das linhas inseridas anteriormente:

define (& # 39; MULTISITE & # 39;, true);
define (& # 39; SUBDOMAIN_INSTALL & # 39;, false);
define (& # 39; DOMAIN_CURRENT_SITE & # 39;, & # 39; localhost & # 39;);
define (& # 39; PATH_CURRENT_SITE & # 39;, & # 39; / & # 39;);
define (& # 39; SITE_ID_CURRENT_SITE & # 39;, 1);
define (& # 39; BLOG_ID_CURRENT_SITE & # 39;, 1);

Em seguida, você precisa abrir (ou criar) seu arquivo .zugang no mesmo diretório do seu arquivo wp-config, Em seguida, substitua todas as linhas existentes neste arquivo pelo seguinte código:

# START WordPress
Reescrever o mecanismo ativado
RewriteBase /
RewriteRule ^ index  .php $ - [L]
 
# Adicione / wp-admin uma barra final
RewriteRule ^ ([_0-9a-zA-Z-]+ /)? wp-admin $ $ 1wp-admin / [R=301,L]
 
RewriteCond% {REQUEST_FILENAME} -f [OR]
RewriteCond% {REQUEST_FILENAME} -d
RewriteRule ^ - [L]
RewriteRule ^ ([_0-9a-zA-Z-]+ /)? (wp- (conteúdo | admin | inclui). *) $ 2 [L]
RewriteRule ^ ([_0-9a-zA-Z-]+ /)? (. * . php) $ $ 2 [L]
RewriteRule. index.php [L]
 
# END WordPress

Salve o arquivo e feche-o. Agora você deve conseguir acessar sites individuais em seu painel ao fazer login na instalação local do WordPress.

O que fazer com a instalação local do WordPress?

Agora você sabe como usar o XAMPP e tem um site WordPress onde pode fazer suas experiências. Seu próximo passo dependerá do tipo de projeto de desenvolvimento em que você está trabalhando.

O WordPress.org fornece um ótimo guia para iniciantes sobre como criar um test drive no WordPress.

Se você estiver interessado em desenvolver temas, consulte nosso guia para desenvolver um tema WordPress ou sites como o Theme Shaper. No seu ambiente local, você pode editar seus arquivos com segurança e experimentar novos designs e recursos relacionados.

Se você quiser aprender a usar o XAMPP e o WordPress juntos para testar suas habilidades de programação e obter mais experiência em PHP, existem vários guias úteis.

O BitDegree e o Code Academy oferecem uma excelente seleção de tutoriais, cobrindo os conceitos básicos de PHP e HTML – e muito mais.

Enquanto você usa a instalação local do WordPress para desenvolvimento, também pode querer ter recursos em mãos para resolver problemas e melhorar suas habilidades.

O Stack Exchange é um fórum online de sucesso, no qual você pode fazer perguntas à comunidade de desenvolvedores do WordPress e obter informações valiosas. Afinal, você provavelmente deseja se tornar um membro frequente do fórum de suporte do WordPress.org.

conclusão

Como já vimos, o XAMPP é uma solução poderosa e versátil para configurar um servidor da web local. É uma maneira perfeita de criar um ambiente de programação básico do WordPress, experimentar configurações de vários sites, alterar tópicos e muito mais.

No entanto, essa não é a única ferramenta disponível para você. Uma boa alternativa é configurar o WordPress com o Docker.

Esperamos que você tenha aprendido habilidades valiosas com este tutorial. Vejo você no próximo artigo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like

como eles podem beneficiar sua agência digital

Como você já sabe, a fim de permanecer competitivo no mercado de…

O Que São Tags WordPress e Como Usar Corretamente

As tags do WordPress são ferramentas que permitem agrupar suas postagens para…

O Que é um Banco de Dados WordPress? Saiba Tudo!

O banco de dados WordPress é o lugar onde todos os dados…

Como Configurar a API do PayPal no WooCommerce

O PayPal é uma das soluções de pagamento mais usadas em sites…