link simbólico no Linux

Aprendendo Comandos Simbólicos O Linux é uma ótima maneira de melhorar o potencial do seu terminal Linux. Neste tutorial, alguns comandos para links simbólicos são exibidos de maneira rápida e fácil. Antes de começarmos, devemos entender o que é uma conexão simbólica.

O que é o Linux Symbolic Link?

Os links simbólicos não são úteis apenas para criar atalhos e gerenciar arquivos em sistemas operacionais como o Linux. Eles também são usados ​​para criar vários locais de pastas de usuários primários, como Documentos, fotos, downloads e muito mais.

O link simbólico serve como uma string para criar caminhos para vários arquivos, pastas e diretórios no sistema do computador. Você pode criar e salvar vários arquivos em locais diferentes, apontando para um único arquivo. Eles aumentam a eficiência, encontrando todos os documentos específicos em um comando.

Esses links são armazenados no mainframe. Mesmo se o arquivo original for excluído, você receberá uma cópia de backup dos arquivos mais importantes. A Ajuda do link simbólico cria caminhos de link inválidos para armazenar informações necessárias ao usuário.

Por causa dos recursos fáceis de usar do Linux, a Microsoft também segue esse método para criar links simbólicos. Os links simbólicos, também chamados de links suaves ou links simbólicos, não são apenas para o Linux, eles são semelhantes à opção de pesquisa no Windows. Você pode procurar um arquivo ou diretório específico em um disco rígido enquanto executa vários comandos.

Para criar uma conexão simbólica com o Linux

Vamos ver como podemos criar arquivos e pastas no Linux:

Crie um link simbólico para arquivos no Linux

Em geral, usamos o comando para criar links em e a opção -s especificar links simbólicos. Essa é a maneira mais fácil de garantir uma abordagem flexível que permita que você experimente o idioma o máximo possível. Não há dificuldade em criar um link simbólico no Linux, você só precisa seguir um passo muito simples.

ls -s [target file] [Symbolic filename]

O comando ln no Linux cria links entre os arquivos de origem e os diretórios.

  • -s – comando para links simbólicos.
  • [target file] – O nome do arquivo existente para o qual você cria o link.
  • [Symbolic filename] – nome do link simbólico.

Os links criados podem ser verificados na lista de diretórios com a lista de comandos detalhada:

ls -l
link simbólico no Linux

No entanto, se você não especificar [Symbolic filename]O comando cria automaticamente um novo link no diretório existente.

Crie um link simbólico do Linux para pastas

Criar um link simbólico para uma pasta também não é difícil. O comando para criar um symlink para uma pasta é:

ls -s [Specific file/directory] [symlink name]

Por exemplo, para vincular um diretório / user / local / downloads / logo com a pasta / inventoresUse o seguinte comando:

ls -s / usuário / local / downloads / logo / devisers

Quando o link simbólico é criado e anexado à pasta / inventoresserá encaminhado para / user / local / downloads / logo, Se o usuário alterar o diretório, CD para / inventoresO sistema altera automaticamente o arquivo específico e grava no diretório de comando.

Opções de link simbólico são chamadas de opções de linha de comando. Aqui estão as mais comuns e suas descrições:

linha de comando produto Descrição
-backup[=CONTROL] Faz o backup de qualquer arquivo existente
-d, -F, -diretório Super usuários estão autorizados a usar um hardlink
-f, -force O arquivo de destino existente é removido
-I, -interactive antes de remover os arquivos de destino
-L, -logical Alvos de preferência que são links simbólicos
-n, -non-dereference Links simbólicos para diretórios são tratados como arquivos
-P, -físico Faz links diretos diretamente para links simbólicos
-r, -relativ Gera links simbólicos para endereços de sites
ícone -s Faz links simbólicos em vez de links físicos
-S, -Suffix = SUFIXAR Substitui o sufixo de backup normal
-v, -verbose Imprimir cada nome de arquivo vinculado

Como mudar ou remover o Symbolic Linux Link?

Você pode remover atalhos existentes anexados a arquivos ou diretórios com o comando unlink ou rd. Você pode fazer isso com o comando unlink.

Desvincular [symlink to remove]

A remoção de links simbólicos com o comando rm é semelhante ao comando unlink da seguinte forma:

rm [symlink name]

Por exemplo:

rm simpleText

resumo

Se a origem não estiver no local atual, você deverá excluir os arquivos simbólicos para evitar a criação de conteúdo duplicado que possa interferir no trabalho.

O Linux é uma plataforma maravilhosa onde você pode criar, experimentar e inovar de forma dinâmica e interativa. Conhecer o básico é a chave. Aprenda os conceitos básicos da linguagem para aproveitar ao máximo.

Esperamos que este tutorial tenha ajudado você a melhorar suas habilidades aprendendo mais sobre essa ferramenta útil!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like

Aprenda Como Instalar Node.js e NPM no Ubuntu 18.04

Neste tutorial, mostraremos como instalar o Node js no Ubuntu 18.04. Esse…

Google Trends – Dicas para tirar melhor proveito da ferramenta

Para você que você não conhece, quem Google Trends é uma das…

Qual a diferença entre site e blog?

A diferença entre site e blog está no conteúdo. O site concentra-se…

Como Renomear Arquivo Linux

Este terminal é uma ferramenta insubstituível para administradores de servidores Linux. Os…